Health Benefits Of Chlorella Exceed Expectations

Author: John Roberts

Because of the benefits of chlorella, many people consider this to be a superfood. Chlorella is a single cell algae that is so small it can only be seen by a microscope. However, it grows quickly and has a green color due to the high levels of chlorophyll that are present in the algae, so it is frequently grown in controlled circumstances for use in producing supplements. Taking a chlorella supplement is thought to be helpful in the treatment of a wide variety of different conditions due to the high content of vitamins and minerals, as well as amino acids and protein, that are present in this algae.

Some of the possible chlorella health benefits have been better documented than others, but the variety of conditions that might be helped with these supplements means that it might be worthwhile for many people to give them a try. Because chlorella is an algae, and therefore a food, it is pretty safe to take and can be taken in relatively large doses. If you plan to take supplements to help with a particular condition it might be a good idea to look into the research in order to figure out what dose might be the most helpful for you to take.

Chlorella benefits include the fact that the fibrous outer shell of this algae will bind to toxic metals and chemicals such as mercury, lead, and cadmium in the body in a process known as chelation. This helps to remove these toxic metals from the body over the course of time. Normally these heavy metals would stay in the body and accumulate, causing many health issues. The same is true with many pesticides and chemicals that might be present in the body.

Another chlorella benefit is the fact that chlorella strengthens the immune system. This is why it is thought to help with such a wide variety of different conditions. Some people take supplements in order to assist in the treatment of cancer, arthritis, infections, and degenerative diseases. A stronger immune system will help the body to heal faster from any illness or injury.

Chlorella health benefits also include improving digestion, lowering blood pressure (and therefore the risk of heart attacks and strokes), and helping the body to better control blood sugar levels (thus assisting diabetics with their condition). Due to the wide variety of people that suffer from conditions like this, it is no wonder that people are taking an interest in chlorella.

Many of us also eat a diet that is not all that healthy, containing a lot of processed foods and fast foods, which tends to alter the ideal pH in our body to make it more acidic and make us more susceptible to certain health conditions. Chlorella can help to reverse this balance since it is more alkaline in nature. An acidic environment tends to speed the growth and spread of many infections and diseases, so it is best to do what you can to maintain a more alkaline environment through eating healthfully and possibly taking supplements such as chlorella.

Article Source:http://www.articlesbase.com/supplements-and-vitamins-articles/health-benefits-of-chlorella-exceed-expectations-1629997.html

About the Author

John Roberts is a health writer and has expertise in a number areas including Chlorella.

Chlorella e Spirulina Encontrado tratar Hepatite Viral C

Autor: Caso Adams

Pesquisadores da Northgate Hospital Springfield de Massachusetts determinou que Chlorella é um tratamento viável para a hepatite C ,  acrescentando que a pesquisa clínica existente indicando outro algas verde-azuladas, Spirulina, já atua como um agente terapêutico para o tratamento do vírus da hepatite C também.

Os pesquisadores trataram 18 adultos que tinham casos crônicos de hepatite C (HCV) com Chlorella por doze semanas, juntamente com um grupo de 26 pacientes que atuaram como sujeitos de controle - que recebem tratamento convencional.

Os pacientes foram testados para as enzimas do fígado e outros sintomas da doença do fígado, muitas vezes fatal, antes e após o período de tratamento 12 semanas e além.

Os pesquisadores deram aos pacientes 1.000 miligramas de Chlorella para a primeira semana, e depois de 1500 para o restante do período. Isto foi adicionado a 30 ml de líquido Chlorella dadas ao longo do período experimental.

As enzimas do fígado de aspartato aminotransferase (AST) e alanina aminotransferase (ALT) foram medidos no final do período de três meses de teste. O fígado produz níveis mais altos dessas enzimas no que sofre de infecção ou toxicidade química. No caso da hepatite do fígado está lidando com um vírus que infecta milhões de pessoas ao redor do mundo.

Os pesquisadores também testaram por alterações genéticas, os níveis de RNA especificamente virais.Isto indica que a força da infecção e a carga viral.

Após as 12 semanas de tratamento Chlorella os investigadores descobriram que 70% dos níveis de AST do doente de HCV diminuiu significativamente, e a maioria dos pacientes tinham uma diminuição dos níveis de ALT. Além disso, 77% dos pacientes relataram aumento dos níveis de energia, e 46% relataram sentir-se melhor.

Os pesquisadores também descobriram que o sistema imunológico dos pacientes foram melhorados.Eles afirmaram em sua discussão:

"Nós propomos que as melhorias em testes de função hepática em nossa população com infecção crônica de HCV é mais provável devido ao efeito benéfico da suplementação immunostimulatory Chlorella."

Mudanças genéticas no vírus da hepatite também apresentou melhora entre os pacientes Chlorella.Enquanto isso, os pacientes que foram tratados com interferon e outra terapêutica convencional não teve as mesmas melhorias na imunidade ou redução de enzimas hepáticas.

Os pesquisadores também descobriram que a Chlorella não resultou em efeitos colaterais negativos entre os pacientes.

Estes resultados confirmam um estudo publicado em 2012, onde os pesquisadores egípcios trataram 66 pacientes infectados com o vírus da hepatite C durante seis meses com ou Spirulina platensis - uma alga azul-verde relacionada a Chlorella - ou Silymarin. Silimarin é o componente ativo do cardo de leite erva, comprovada como um tratamento eficaz para doenças crônicas do fígado e hepatite.

Os pesquisadores testaram os pacientes antes do período de tratamento e em três e seis meses para os sintomas de HCV e enzimas hepáticas. O grupo Spirulina recebeu um total de 1.500 miligramas de comprimidos Spirulina por dia. Os comprimidos indicados para cada grupo pareceu idêntica.

Mais uma vez, as enzimas hepáticas - particularmente AST - foram significativamente menores no grupo de Spirulina. O grupo tratado com Silymarin também apresentaram níveis reduzidos, mas não tanto quanto os trinta pacientes tratados com Spirulina experimentado. O grupo Spirulina também teve outro sintoma melhoria HCV.

E mais uma vez, o tratamento Spirulina não resultou em efeitos colaterais negativos entre os pacientes.

Chlorella e Spirulina são ambos geralmente classificadas como algas, e que são produzidos comercialmente em tanques, mas existem algumas diferenças entre eles. Spirulina é uma cianobactéria verde-azuladas, enquanto Chlorella é uma alga verde classificado como um Eukaryote - mais planta-like. Os níveis de proteína da Spirulina são tipicamente mais elevados, atingindo mais de 75% em peso, enquanto Chlorella mantém 45-50% de proteína. Ambos têm 20 aminoácidos, muitos minerais, vitaminas e fitoquímicos. Por exemplo, a Spirulina contém homopolissacáridos e sulfoglycolipids sulfatados, que foram mostrados para estimular macrófagos e citocinas que envolvem células virais.

Estimativas recentes sugerem que até 5% da população mundial poderá ser infectado com a hepatite, e muitos dos países mais pobres têm os piores níveis de infecção. Medicina verde Assim relativamente barata produzida como Chlorella e Spirulina deve tornar-se crítica na luta contra essas infecções. Fonte: http://www.greenmedinfo.com/blog/chlorella-and-spirulina-found-treat-viral-hepatitis-c